Os cinco passos para a preparação emocional

0
Fabiana Barbosa

Você sabe lidar com as suas emoções?

Hoje enfrentamos um mercado de trabalho muito competitivo, uma verdadeira agitação desde o momento em que nos levantamos até o adormecer. Enfrentamos diversas situações no decorrer do dia que vão gerando sentimentos e emoções contrárias ao que desejamos sentir e manter.

A pressão do trabalho, dos afazeres domésticos, os estudos, cursos e outras atividades, desencadeiam um processo de ansiedade, que por sua vez irá originar a famosa síndrome do século XXI, o “estresse”, podendo ser chamado também de Síndrome da Pressa.

É possível o homem ser feliz diante de tantos problemas e sofrimentos? Como ficar satisfeito e saber administrar as suas emoções com tantos desafios diários a enfrentar?

Abordarei com você cinco passos para a preparação emocional, onde você desenvolverá técnicas que o ajudarão a ser racional, mas com sentimento.

1º Passo – Empatia – É a capacidade de se identificar com a outra pessoa, é procurar sentir o que ela esta sentindo, é aprender o modo como ela aprende, enfim se colocar no lugar da outra pessoa, querer o que ela quer.
Quando isso ocorre você também está controlando as suas emoções de forma racional e com sentimento.

Você deve usar a empatia também nos piores momentos ou situações, isso é saber controlar e administrar as suas emoções. É saber ser racional mas com um diferencial importante e fundamental, com sentimento.

Usar a empatia é entender o outro quando se comporta de forma agressiva, melancólico, agitado, insatisfeito e revoltado. É saber se posicionar sem fazer nenhum julgamento. Apenas compreender os fatos, acontecimentos com tranqüilidade e sentimento.

2º Passo – Ter novos padrões de pensamentos – É o homem que faz a vontade e não o contrário. Desde que nascemos vamos adquirindo crenças e valores do meio onde vivemos, muitas das vezes que não condizem com a nossa realidade. Mas o que é realidade? Quando criamos uma realidade passamos a vivê-la como experiência de vida, acreditando que aquele momento é sua realidade, mas nem sempre é dessa forma. O homem pode criar sua realidade o tempo todo, viver experiências com novos padrões de pensamentos, isso quer dizer, renovar-se constantemente em busca do seu crescimento e evolução como ser humano e como ser energético. Aprender a ter novos padrões de pensamentos é criar novos hábitos saudáveis de vida, aprender a viver a vida com alegria, prazer, vontade e muito amor. É gostar de si mesmo e sentir-se bem em qualquer lugar. Rever crenças e valores que não são seus e que na atual realidade não trazem nenhuma felicidade a você. Mudar os pensamentos negativos para pensamentos positivos, isso é criar novos padrões de pensamentos.

3º Passo – Flexibilidade para mudanças – Quantas pessoas vivem a mesma vida sem questionar e apenas segue padrões estabelecidos pela família, sociedade, trabalho, religiões e no ambiente em que vivem. Aprenderam a abaixar a cabeça e dizer sim o tempo todo. Não questionam, não sabem dizer não para as pessoas, não querem ser excluídos do meio de sua realidade. A necessidade de serem aceitas no meio em que vivem de forma inconsciente as levam a aceitar padrões que não condizem com a sua verdadeira realidade. Dentro de nós tem um mundo que precisa ser explorado, lá nesse mundo há poderes infinitos que podemos acessar.

A esses poderes dou o nome de recursos internos, sempre que preciso deles eu os trago para a minha realidade. Esses recursos são importantes para o equilíbrio e o sucesso na vida. Quando acessamos o nosso poder interno, permitimos exteriorizar os nossos dons, talentos, encantos, magias, alegria, saúde, paz, amor e a felicidade que tanto buscamos no mundo externo, quando na verdade está dentro de nós mesmos. Ser flexível é se permitir mudar e renovar constantemente, buscar o autoconhecimento e se capacitar como ser humano o tempo todo. É aprender a respeitar os seus limites sem sentimento de culpa. É valorizar-se e dizer o não quando for necessário sem medo de ser excluído do meio social. É estar apto para as mudanças acreditando nos resultados que agregarão às suas experiências e se não der certo, não tem problema, é só recomeçar novamente, isso é ser flexível e saber lidar consigo mesmo e com todos em sua volta.

4º Passo – Atividade física – Os exercícios são importantes para o condicionamento físico, promover a saúde e o bem estar do ser humano. O homem não pode ficar parado, é importante estar em constante movimento para a liberação das energias. São inúmeros os benefícios com a atividade física, eleva a auto-imagem, melhora a postura, aumenta a produtividade no trabalho, fica menos propenso às doenças, combate o estresse e a indisposição e promove a qualidade de vida.

5º Passo – Meditação – É domar a mente e trazê-la à compreensão da realidade. Requer um processo lento e gradual de ouvir e ler explicações sobre a natureza das coisas; pensar e analisar cuidadosamente esta informação; e finalmente transformar a mente através da meditação. A meditação é uma atividade da consciência mental. Ela envolve uma parte da mente observando, analisando e lidando com o resto da mente. A meditação pode tomar várias formas: concentrar-se em um objeto (interno), tentar compreender algum problema pessoal, gerar um amor alegre por toda a humanidade, rezar a um objeto de devoção, ou se comunicar com a nossa sabedoria interna.

Seu objetivo final é despertar um nível muito sutil de consciência e usá-lo para descobrir a realidade direta e intuitivamente.

Há muitas técnicas diferentes e muitas coisas com as quais a mente deve se familiarizar. Entretanto, a meditação não é simplesmente uma questão de se sentar em uma determinada postura ou de respirar de um modo específico, é um estado associado.

Podemos meditar enquanto estivermos trabalhando, caminhando, andando de ônibus ou cozinhando.

Um meditador estava cortando madeira e um outro atingiu a concentração enquanto estava limpando a sala de seu professor. A ciência também tem comprovado que a meditação diária reduz a taxa de colesterol nas pessoas.

Cardiologistas do mundo inteiro orientam seus pacientes hipertensos a praticarem a técnica de meditação como forma de relaxamento, bastando apenas 15 minutos diários.

A meditação é uma técnica simples, com custo zero, saudável e ótima para gerenciar emoções.

Fabiana Barbosa é Psicanalista, Psicoterapeuta Junguiana, Psicoterapeuta Holística, Master Practitioner em PNL, Parapsicóloga, Palestrante e Consultora de treinamentos empresariais.
E-mail: polimento.do.ser@gmail.com | Site: www.polimentodoser.com.br

mais artigos Fabiana Barbosa


Comments are closed.